God is Google and Google is God

Publicado em

Não quero criar nenhuma polêmica religiosa aqui. Eu tenho as minhas crenças, da minha maneira cultivo a minha fé e respeito qualquer religião ou credo bem como a liberdade de cada qual se filiar à doutrina que mais lhe apetece. E não discuto religião, ponto. Vírgula, e nem futebol!

Mas um dizer que começou como brincadeira, acabou virando outro tipo de fé. Digo, ultimamente com certa frequência, que pra mim Deus é o Google.

E não é difícil de entender o porquê. Numa época que ninguém mais possui uma enciclopédia Barsa em casa, em que os nossos mestres estão cada vez mais distantes, em que falta tempo para qualquer tipo de reflexão mais aprofundada, mas em que precisamos cada vez mais ser versados em tudo quanto é tipo de disciplina e devemos discutir com um mesmo nível de conhecimento tecnologia, construção civil, marketing e literatura, a quem recorrer?

Eu não titubeio, vou de Google. A página está de longe no primeiro lugar das mais visitadas do meu computador, e por mais que não possamos confiar em tudo o que achamos escrito por aí, impossível não usar o Google como uma ferramenta de busca primeira.

Nesse meu projeto ele tem tido papel fundamental. Busca de fornecedores, parâmetro para orçamentos, dicionário para a busca dos termos técnicos que meus engenheiros insistem em proclamar nas reuniões… Mas se Deus é generoso, ele também é exigente, não vai te dar as informações perfeitas e inteligíveis, vai fazer você se interessar pelo assunto, pesquisar e aí sim aprender. Ele quebra o galho na hora da reunião, mas depois faz você navegar horas e horas a fio em busca da informação que você realmente necessita, além de te distrair com as incontáveis informações deliciosas de que não necessitamos mas são fundamentais nas conversas de bar.

Me lembro da primeira vez que ouvi falar do Google. Perguntei umas três vezes o nome até conseguir gravá-lo na memória para depois tecla-lo no meu computador. Foi amor à primeira vista, mas o nome sempre me incomodou. E se hoje não vivo sem, mesmo que o nome já tenha se incorporado ao vocabulário de qualquer língua (imagino ocidental ou oriental), acho justo que eu, como uma filha rebelde, possa mudar o seu nome… E para mim, desculpem-me os puristas, é Deus.

E com licença que agora, para avaliar mais um orçamento de obra que recebi, vou consultar Deus.

Anúncios

2 opiniões sobre “God is Google and Google is God

    Música para Cozinheiros « MIMO Restaurante disse:
    18/08/2011 às 7:17 PM

    […] ao querido Google achei um texto relatando uma pesquisa que comprovou (o que empiricamente eu desconfiava) que […]

    Paradise Lost « MIMO Restaurante disse:
    08/12/2011 às 1:29 PM

    […] lembrava de onde era essa frase o que me fez recorrer ao santo Google. E aí, ah sim, John Milton, Paradise Lost… Paradise Lost? Algo tão recente quanto um poema […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s