Mês: Outubro 2013

O Mimo traz cardápio especial para o Halloween

Publicado em Atualizado em

bruxas

Entre os dias 31 de Outubro e 03 de Novembro, o Mimo promove semana especial em referência ao Halloween. O restaurante preparou cardápio especial para comemorar a data.

E porque essa festa no MIMO? Ora, ora, porque adoramos uma bagunça, adoramos decorar nossa casa tematicamente, adoramos criar cardápios diferentes e adoramos dar mimos aos nossos clientes!

Sabemos que a data é tradicional nos países de língua inglesa, até por conta da suposta origem celta dessa festa: o culto aos mortos celebrado pelo povo celta e que se espalhou pelas Ilhas Britânicas após a invasão desta pelos Romanos.

Mas os Estados Unidos popularizou o Halloween misturando referências diversas, e o Brasil, ano após ano, vai aderindo à onda.

Vamos entrar na brincadeira da melhor forma que sabemos fazer!

Quer saber mais do nosso cardápio?

Para entrada temos Morcilla, pão caseiro e tomates grelhados ou, para aqueles não iniciados nos sabores fortes da morcilla ou os que preferem deixar as carnes fora de sua dieta, temos Creme de Abóbora (não poderia faltar abóbora, certo?) com gengibre e laranja.

Já para o prato principal, é possível  escolher entre o Nhoque de beterraba com molho de queijos ou o Polvo com batatas bravas e mariscos.

Para finalizar a refeição, a sobremesa a disposição é a Torta de morangos marinados no aceto balsâmico e manjericão.

E se você já é nosso cliente, sabe que não poderíamos deixar passar um mimo com a cara da data, certo?

Tentamos nos esmerar neste! Todo cliente que visitar o Mimo neste período ganhará uma Cerveja Coruja Viva e um saquinho de “Doces ou Travessuras”.

O valor para degustar estes pratos é de R$ 89,00 e o cardápio valerá para as seguintes datas:

textmimo

Equipe Mimo

Há um ano

Publicado em

Tentei sentar para escrever este post antes e não consegui pois as lágrimas embaçaram meus olhos e fugi para que meus funcionários não me vissem nesse chororô (coisa que sem dúvida eles já viram antes, mas não custa tentar disfarçar).

Aí lembrei de um trecho bem na abertura do livro da Tina Fey que me fez rir:

“Se você é mulher e comprou este livro para ter dicas práticas sobre como se dar bem num ambiente de trabalho dominado por homens, aqui estão elas. Não use rabo de cavalo nem tomara que caia. Chore moderadamente. (Algumas pessoas dizem: ‘Nunca seja vista chorando’. Eu digo que, se você está com tanta raiva que quer chorar, então chore. Todos ficam horrorizados).”

 

Tirei meu rabo de cavalo que uso todos os dias desde que meu cabelo cresceu e voltei para a frente do computador. Afinal não é raiva que tenho, é melancolia.

Pelo simples fato de que há exatos 365 dias atrás estava recebendo a minha primeira leva de funcionários para iniciarmos o treinamento de abertura do MIMO. E tanta coisa aconteceu desde então que se eu fosse esperta já tinha escrito um livro. Mas não sou esperta, nem sarcástica ou bem humorada como a Tina Fey.

Nesse dia de 2012 eu recebia uma leva de mais de 20 funcionários para uma palestra que levei dias preparando. Tudo para que eles pudessem me conhecer, conhecer de onde tinha nascido a ideia do MIMO, quais eram as minhas referências, o que eu tinha feito até então, qual era a minha visão de conceito e desenvolvimento do restaurante, o cardápio inicial, meu plano de metas, etc, etc…

Um primeiro passo para um soft opening marcado para 29 de novembro e uma abertura oficial da casa para janeiro do ano seguinte (este).

Me senti tão realizada que poderia estar naquele filme que o protagonista acorda sempre no mesmo santo dia (quem se lembra o nome… OK, não falem, deve denunciar a nossa idade).

Mas acordei cada dia com um desafio novo. Nosso caminho desde então tem sido de trabalho duro, de altos e baixos, da busca incessante por nos tornarmos melhor e por entender o que nossos clientes querem de nós.

As vezes tenho vontade de chorar por duvidar da minha capacidade. As vezes tenho vontade de chorar de cansaço por ter usado tanta força para me manter que nem sabia que eu tinha. As vezes tenho vontade de chorar porque quero sempre conseguir doar mais hospitalidade e boa comida. As vezes tenho vontade de chorar porque o mercado é difícil, a economia anda cambaleando e eu tenho que sorrir.

Ai lembro daquele dia. Como da criança no primeiro dia de escola. Há tanto pela frente. Somos promissores. Temos muito a fazer e somos incansáveis. E é assim que eu defino o MIMO.

Bem por isso que a segunda vez que sentei com meus funcionários foi para ver o filme Jiro Dreams of Sushi.

De lá para cá muitos mudaram, outros permaneceram, mas a nossa alma plantada naquele 22 de outubro está aqui.

E tudo o que eu tenho que dizer é Muito Obrigada.

IMG_4603

 

Como fazer o momento da refeição ser mais prazeroso

Publicado em

IMG_7051

A hora da refeição precisa ser um momento único. Aquele instante que te leva para outro mundo, que lhe deixa sem fala.

Mas isso não depende somente do que se come, depende também, de onde você está e como está. Separamos algumas dicas para esse momento ser realmente saboroso, no MIMO (de preferência!):

– Escolha coisas novas para saborear! Novos gostos ajudam a aguçar as papilas gustativas e inspiram a comer novos alimentos.

– Sinta o cheiro dos alimentos. Segundo pesquisas, o olfato ajuda no momento de criar a distinção dos sabores dos alimentos. Isso porque quando há a mastigação, o ser humano sente o paladar e o cheiro simultaneamente e as informações sobre determinada refeição são enviadas para o cérebro.

– Coma ao som ambiente. Não estamos falando de musiquinhas chatas viu?! Pode ser ao som de uma música de rock de qualidade, como as escolhidas para o playlist do MIMO, ou canções ao seu gosto.

– Tenha uma boa companhia para sua refeição. Um amigo, um namorado, sua família, não importa quem você escolheu, o importante é que conversa vai conversa vem, o clima fica mais gostoso e sua refeição pode ganhar ares incríveis.

– Escolha sabores que você ama! E chocolate pode ser um deles. Afinal, quem não ama essa belezinha na vida?!

– Curta os detalhes ao seu redor enquanto come: perceba uma flor bonita, olhe a beleza de um sorriso, a educação de um garçom, jogue-se em uma cadeira macia. O importante é ser feliz!